domingo, 14 de janeiro de 2018

[ Resenha] Paixão em Sonora da Andreia Nascimento


Ano: 2017 / Páginas: 118
Idioma: português 
Editora: Independente



[ Sinopse ] 

Giovanna está encarando um grande bloqueio criativo e sabe que precisa deixar sua zona de conforto e ir em busca do que está faltando para conseguir terminar sua história. Em uma tentativa de não desistir de seu romance, ela decide acompanhar as amigas em um festival onde a banda que embala sua inspiração vai tocar. 

Giovanna precisa terminar seu romance, mas além de tudo, ela precisa se apaixonar



[ Resenha ] 


 Giovanna se vê em um bloqueio criativo ao escrever o seu livro. Chegou em uma parte em que não consegue escrever e começa a questionar sua própria vida, pois é Jornalista e acabou largando seu emprego (embora com um salário péssimo), voltou a morar com seus pais para dedicar-se ao seu sonho, mas faltava aquele tempero da vida chamado paixão, para enfim dar continuidade ao livro, e ele estava em falta. 

" Tenho uma missão para esse festival: irei olhar todos os caras nos olhos, irei tentar ver suas almas embriagadas e ver se eu consigo cair de amores por uma. Eu preciso me apaixonar. " 

" ― Paixões são coisas aleatórias. ― Bella recita, como se estivesse uma citação de um livro. ― Um sentimento um tanto transitório que pode acabar em pouco tempo. Não é a coisa mais complexa que precisa de um psicoterapeuta para fazer uma análise clínica do seu estado mental. "

 Eis que suas amigas Eli e Bella tem uma brilhante idéia de ir para o Festival de Sonora, um festival de música, e claro sua banda preferida, a Perfeita Simetria estará lá, banda essa que inspirou o seu livro. Gio já vinha pensando em mudar sua rotina e sair da zona de conforto do seu quadrado chamado quarto, ao qual passava a maior parte do tempo trancada esperando as coisas acontecerem. Daí tomou a decisão de ir para aventurar-se, atrás do tão esperado sentimento de apaixonar-se, o que parecia muita loucura, mas que fazia todo o sentido, pois nunca apaixonou-se de verdade e precisava, de digamos, desse laboratório para sua escrita fluir, para parecer mais realista, porque fica complicadíssimo descrever algo do qual nunca se sentiu verdadeiramente. 

" Porque quando você experimenta o inferno é saber que ainda há alguma coisa boa no mundo. " 

 Topou a proposta e foram em 5: Gio, suas amigas Eli e Bella, seu irmão Ben e o irmão da Bella, o Heitor, que é seu ex-chefe e serviria como motorista. 

" ― Se for para se apaixonar, ― sinto meu coração mais tranquilo ― que seja um ato de bravura e exagero. Bravura para admitir e exagero para gritar ao mundo que está viva. Era isso que vocês queriam, não era? " 

" ― Eu não quero ser julgada por ser a pessoa que jogou tudo para cima por um sonho. Passei minha vida toda sendo julgada, por minha cor de pele, por meus cabelos, por não ser igual ao meu irmão. Eu só queria poder fazer qualquer coisa da minha vida. Eu poderia ter me apaixonado antes, se eu tivesse menos coisas na cabeça, como me preocupar em ter que provar que, independente de qualquer coisa, eu era boa. Em tudo. Eu precisava ser boa, nesse mundo eu preciso me provar por ser mulher, por ser negra e escritora. A louca de sonho impossível. "

 Foram 12 horas de viagem, um fim de semana cheio de emoções, descobertas, diversão e aprendizado. Giovanna passou a conhecer mais de si mesma e a saber o que quer ser e o que deseja para toda a sua vida! Passou a não ter medo do novo e que uma dose de loucura e tequila podem abrir vários caminhos... Hehehe 

 Livro lindo! Amei a escrita! Um livro bem gostosinho de se ler e indico demais! Uma novella que te dá vontade de ler mais e mais sobre os personagens e suas histórias!


sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

[ Resenha ] A Fada Negra - O segredo do cristal da CrysMagalhães




Ano: 2017
Páginas: 190
Idioma: português 
Editora: Chiado


Link do Instagram da Autora:  @crysmagalhaes81 
Link Fanpage no Facebook: CrysMagalhães

Link da Resenha do primeiro livro A Fada Negra àquilo no Brasil blog: A Fada Negra


[ Sinopse ] 

Quando tudo parece calmo, o Reino de Éder corre o risco de ser novamente invadido pelas
forças obscuras da Fadas Negras. A incerteza renasce... O passado, nunca esteve tão 
presente e a família real descobre fatos há muito escondidos... Isso mudará para sempre
algumas vidas.
Novos lugares serão explorados...
Um desaparecimento misterioso colocará em risco a vida de todos.
Os mortos mandam cumprimentos.



[ Resenha ]

 Alerta de Spoiler se você não leu ainda o primeiro livro A Fada Negra! 
 Primeiramente quero expressar que saudades senti do Yago e Peter... Das peripécias e meiguices do duende Dymi!
 De volta ao Reino de Éder... 
 A aventura é agora após 5 anos dos acontecimentos do primeiro livro, com a prisão da Rainha das Fadas Negras, a Elvira, Éder voltou a sua paz e tranquilidade, só que não foi bem assim... 
  A aldeia de Zafir está em festa, pois os jovens heróis, Yago e Peter estão aniversariando e o irmãozinho do Yago, o Ygor, completa 4 anos. 
 No castelo de Zafir, as filhas gêmeas da Princesa Rosa com o Príncipe plebeu Felipe, já nos seus 2 anos de idade, são muito mimadas pelo avô, o Rei Arthur, que faz todos os gostos e caprichos, apesar das duas serem ainda muito pequenas. Quem acha graça e um tanto exagero é a governanta Maria, que a muitos anos serve a família real, mas que fica muito feliz por fazer parte disso. 
 Em meio às festas do Vilarejo, o irmão caçula do Yago, o Ygor, na sua curiosidade infantil, resolve na sua esperteza, pegar a chave do quarto de magias, quarto esse que era do Mago Anselmo e que Yago proibi a entrada de qualquer pessoa, por tratar-se de um lugar cheio de livros de magia, armas mágicas e artefatos que manuseados sem conhecimento podem causar um grande estrago. Mas, mesmo com as proibições, Ygor adentrou o quarto sorrateiramente e começou a mexer onde não devia e eis que de repente, sumiu! George, pai de Yago e Ygor, começa a sentir falta do pequeno travesso e que ao olhar na direção do bendito quarto, o percebe aberto e não encontra rastros de Ygor e assim começa a preocupação de todos.
 Yago percebeu que o irmão mexeu em algo que não deveria e comprovou que o mesmo estava em algum lugar ou dimensão mágica. Pediu ajuda a Rainha das Fadas de Luz, A Lara, para lhe auxiliar no que fazer e enquanto não conseguia solução, teve que omitir para todos do vilarejo o que ocorria e fez acreditarem que a família estava sendo assolada por uma doença misteriosa, para que ninguém especula-se ou resolvesse aparecer até ter o caso totalmente resolvido. 
 Em Éder, Maria encontra o Diário da Rainha Elisa e se surpreende com o que contém nele e de imediato tem a idéia de enviá-lo a Yago, pois só ele entenderá o segredo de Elisa e tomará providências.
 Só posso dizer que é algo surpreendente e que também envolve a família real. Aí uma nova aventura está prestes a começar! 
 Em meio a trama, tem romance, revelações, respostas dos segredos e mistérios retratados no primeiro livro A Fada Negra, apresentação de mais seres mágicos e muita aventura! É muito legal ver o desenvolvimento dos personagens do primeiro para o segundo livro, a maturidade deles. 
 Amei os cenários, a maneira que a autora, assim como no primeiro livro, te dá liberdade da sua imaginação voar e te levar para dentro da história. É um livro de fantasia de leitura fácil, gostosa e rápida. 
 Dymi como sempre aprontando e querendo aumentar sua coleção de criaturas e insetos. Pense num duende fofo! 
 Obrigada Crys por mais uma vez confiar sua obra em minhas mãos! Muito obrigada por esses livros tão lindos e mágicos! Muito feliz pela parceria! 

sábado, 9 de dezembro de 2017

[ Resenha ] A história de nós dois da Nina Reis



Gênero: Romance 
Páginas: 270 
Editora: SPZ 

[ Sinopse ] 

Uma freira lutando por justiça, se torna alvo ao dar voz aos esquecidos. Marcada para morrer, tem seu frágil corpo atingido pelo aço da vingança. Acorda do pesadelo longe de tudo o que conhece, protegida por sua fé. Abrigada em seu habito, se vê em meio a floresta, distante da que conhece. Diante de um homem capaz de surpreender seus olhos, capaz de transformar sua vida e tomar seu coração... 
 Um empresário respeitado, belo, excêntrico e um mercenário engajado com a justiça. Duas identidades. Um homem determinado a tomar em suas mãos a segurança de pessoas marcadas para morrer... 
Sua missão: manter viva a jovem freira que agora ocupava cada instante do seu dia, roubava sua paz e ameaçava as estruturas de toda a vida, que montou para si e para os homens e mulheres sob suas ordens. 

De todos os perigos que enfrentou, nenhum desafio foi mais difícil de enfrentar, que a perda de seu coração para a extraordinária mulher, que mudou toda a escrita de sua vida.

[ Resenha ] 

 Lido em físico. Livro que ganhei de um sorteio e confesso que me apaixonei! Está entre o Top 10 de 2017 dos que li esse ano. E o Top Life pra mim!
 Palavras para defini-lo : Doce, letal, visceral, intenso, marcante e apaixonante!
 Como a própria sinopse diz, a história de uma Freira missionária, a Maria da Anunciação e um Mercenário, o Caetano Montessori.
  Maria da Anunciação, Freira e voluntária no Haiti, entre tanta miséria e tristeza arrumava forças para ajudar a quem precisava mediante a paisagem de guerra e medo. Não compreendia e nunca iria compreender porque o próprio homem matava o seu semelhante e cometia atrocidades. Arriscou a própria vida em prol de outras e é mulher de não se arrepender em ajudar o próximo e espalhar, nem que seja apenas uma centelha, de amor e esperança.
 Maria da Anunciação desde cedo optou por seguir a vocação de Freira, vocação essa que jura que nasceu para exercer, embora sempre se meta em confusões e acabe sendo ameaçada por um homem muito poderoso, porque não acha justo a população viver na miséria enquanto outros usam disso como arma para escravizar. Sempre foi a favor dos esquecidos e oprimidos e por diversas vezes repreendida no convento em que congregava, por sempre quebrar uma regra ou outra.
 Caetano Montessori, empresário e um soldado misterioso e de porte centrado e frio, não esperava jamais que iria admirar e odiar tanto uma Freira, em meio ao caos do Haiti.  Aquela mulher quase o enlouqueceu com sua atitude insana e quase pôs tudo a perder! Muitos anos de experiência o fizeram ser sempre precavido e alerta e não admitia erros, porque pra ele, erros não poderiam existir, porque são fatais na sua profissão. Passou a admirar a Freira, porque assim como ele, o senso de justiça era impregnado em ambos. Como todo mercenário, possuía várias identidades, histórias, vidas... De personalidade forte e autoritária, mesmo que nas missões sempre camuflado para sua própria segurança e dos demais soldados ao qual liderava.
 Para Caetano, que já viveu situações que ameaçaram até sua própria vida, não passava sequer pela sua cabeça conhecer alguém com tanta força em viver, tanta bondade e personalidade como a Maria da Anunciação e alguém tão doce e fraternal.
 Após o pouco contato no Haiti, eis que Caetano não deixou de cuidar da Freira, mesmo que de longe e passou a prezar sua vida. Após terem atentado contra a sua vida de forma covarde, Maria da Anunciação passa a ser resguardada por Caetano e sua equipe de soldados super treinados, o que no começo a deixou bastante desconfortável, pois não fazia idéia quem eram.
 A partir daí vários acontecimentos e dramas ocorrem e não é nem metade do que vai acontecer.
 A escrita da autora é maravilhosa e me prendeu do começo ao fim da trama. Me apaixonei pelos personagens de cara!!! Foi escrito na terceira pessoa. É o primeiro livro da Série Santuário e já estou ansiosa para ler os outros! Preciso ler! Você precisa ler!
 NOTA: 🌟🌟🌟🌟🌟

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

[ Resenha ] A vez de Anne da Mônica Meirelles



Ano: 2015
Páginas: 300
Idioma: português 

Gênero: Romance / Drama
Editora: Amazon


[ Sinopse ]

O problema não é estar grávida do ex que Anne não ama mais. O problema também não é se apaixonar por um homem mais velho, estranho, que do nada some e não se explica. 
O problema é estar grávida e perder a liberdade, é ver as pessoas que ela considera amigos lhe virarem as costas, é ser traída, ser enganada, é se sentir insegura e abandonada, é não saber o que esperar das pessoas e da vida. No entanto, o problema, antes de tudo, é precisar fazer escolhas e não saber que escolhas fazer, escolhas essas que possibilitará ou não a sua vez de ser feliz, A vez de Anne.


[ Resenha ]

 Anne, uma adolescente entrando na vida adulta, confusa como qualquer outra pessoa se vê apaixonada pelo gato da escola, o Vitor. Começa a nutrir uma paixão por ele e a mudar e querer chamar sua atenção pra si. Eis que deu certo! O gato da escola a notou e a partir daí começaram a namorar. 
 Anne, após 7 anos, onde tudo parecia perfeito, vê seu relacionamento acabar ao descobrir a traição do seu namorado, e pior, a traiu com sua amiga. Ela vê seu mundo desmoronar e mesmo assim decide seguir em frente.
 É Carnaval e Anne vai com sua família e sua melhor amiga Lucy para outro estado relaxar e se divertir. No meio da muvuca, cores, música aparecem muitos caras com propostas tentadoras, porém Anne se mantém firme e infelizmente também não sabe como lidar com tanta novidade, pois passou 7 anos com o Vitor, dedicando-se a um amor que no fim das contas, só ela dava valor, só ela cuidada e vivia. Era como não saber mais caminhar com as próprias pernas. 
 No meio da bagunça carnavalesca, surge um homem que abalou suas estruturas desde a primeira vez que o viu. Parecia um deus grego de tão lindo! E é nesse momento do livro que você queria uma amiga como a Lucy hehehe (não vou dar spoiler). O nome do "deus-muso" ? Daniel. Nome de anjo né e meu xará! No meio de tantos desencontros e encontros em um curto espaço de tempo, Anne se envolve com Daniel e vivem um romance de Carnaval, que como todo romance assim a duração é mínima, mas que marcou sua vida para sempre! 
 Não esperava que em meio a tantos acontecimentos se descobriu grávida do seu ex, o que parecia um carma, não pela criança, mas pela situação. 
A partir daí há muitas reviravoltas, muito drama, mas você acompanha cada passo da Anne, seu crescimento e transformação.
 Por vários momentos me identifiquei com ela e me vi em situações bem parecidas o que por várias vezes me fez derramar rios de lágrimas, pois já me vi na situação de gravidez na adolescência e sentindo-se sozinha, pois os ditos amigos sumiram todos, como se eu tivesse uma doença contagiosa, mas que na verdade não eram meus amigos de fato. 
 Ela está na busca de saber quem é e o que quer e é nessas fases (que todo mundo passa) que nos faz refletir quem somos de verdade e a compreender que cada um tem seu caminho sem precisar perder a sua essência. 
 Assim como a Anne, também cai na minha própria armadilha de querer a felicidade de todos e esquecer da minha, pois isso pouco importava, mas a vida tem dessas coisas. 
 Amei o livro!!! É ótimo para quem está se auto buscando emocionalmente! É um romance bem contemporâneo e com a cara da realidade da geração atual. 
Tem conflito, gravides na adolescência, treta, briga, família, amor e isso fez dele tão maravilindo! Recomendo! 


quinta-feira, 12 de outubro de 2017

[ Resenha ] Eu prometo tentar de Andreia Nascimento





Ano: 2017 / Páginas: 445
Gênero: Romance / Drama
Idioma: português
Editora: Independente


 O li em Ebook. 

 Link para compra na Amazon: https://www.amazon.com.br/Eu-Prometo-Tentar-Promessas-Livro-ebook/dp/B074JCN5HK/ref=sr_1_1?s=digital-text&ie=UTF8&qid=1507839026&sr=1-1&keywords=Eu+prometo+tentar


  [ Sinopse ]  

Meu nome é Maxine e esta é a história da minha vida.

Uma vez eu disse que tentaria viver a minha vida da melhor forma que pudesse e não seria uma possível alteração celular que não permitiria me sentir viva. Mas de tudo o que prometi tentar viver, o amor não estava nesta lista. Eu vi o que a perda de uma pessoa que você ama pode causar em uma vida e eu posso até não sobreviver ao erro da natureza, mas eu prometo viver.

Meu nome é Pedro e esta é a história de como a Maxine virou a minha vida.

Eu não estava procurando por nada disso, se alguém me perguntasse o que eu estava buscando isto não estaria na minha lista. É um costume de as pessoas fazerem listas, terem sonhos e, principalmente, medos. E hoje, tudo o que nunca sonhei e nem mesmo desejei, se tornou o meu maior medo. Eu só sei de uma coisa; eu não posso perdê-la.


  [ Resenha ]

 Pelo título já suspirei desde que o vi!
 Alerta! Você irá acabar com todos os lenços existentes a partir do momento que começar a ler o livro! Me deixou em pedaços irrecuperáveis, me abalou, emocionou, me estraçalhou e foi para a minha lista de preferidos! Siiiim! Porque é lindo demais!

 O livro é narrado pela perspectiva de Maxine e Pedro.
 Maxine é estudante de medicina, mora com seu primo Liam e sua namorada Carol, também futuros médicos. Carol não é só sua melhor amiga como sua confidente e da qual compartilha seu amor por séries e livros.

" Eles são as pessoas que eu chamaria para enterrar um corpo - vejo suas sobrancelhas se arquearem com a menção de um crime - Todo mundo tem que ter amigos que não questionam um ato. Apenas estão ali para jogar terra sobre um crime cometido." 

 Maxine é herdeira de um hospital presidido e coordenado pelo seu pai, o Heitor, um Neurologista muito conhecido e também um amor de pai.
 Pedro é sócio - proprietário de uma empresa de Software em conjunto com seu melhor amigo Davi e sua ex-namorada Tainá. Sim! Ex - namorada e eles são amigos e os três dividem o mesmo apartamento. Juro que gostaria de possuir essa maturidade e naturalidade do Pedro, pois os céus sabem como tento hehehe
 Farta da insistência de seu ex-namorado em querer reatar, Maxine comete um ato um tanto ousado e inusitado até para ela mesma na tentativa de afastar de vez Matheus da sua vida: beijar um estranho em um bar. O estranho? É o Pedro que acaba confuso com a situação, mas ao mesmo tempo fascinado por aquela mulher que nem sequer disse seu nome.
 Maxine, apesar de rica, não faz o estilo patricinha esnobe e isso me encantou desde o começo! É motoqueira, adora livros de romance de época, apesar das neuras, pois após 5 anos de relacionamento com o Matheus, não pretende mais se envolver com ninguém. Ela é simplesmente perfeita nas suas imperfeições e isso a torna única e a fez se tornar a minha crush literaria!!!  Fora que no decorrer do livro é admirável, mesmo mediante tanta dor, o seu poder de superação, mesmo nos altos e baixos. Sua sabedoria em lidar com situações e questões que até eu mesma questionei minha capacidade mental e emocional.

" Maxine, a mulher de gostos peculiares. A garota que anda de moto é lê romance de época. Uma caixa de surpresa bem atraente." 

Concordo com você, Pedro!

 O Pedro é o cara inteligente, bonito e charmoso no seu jeito "certinho" de ser, mas é tão fofo quanto a Maxie e sensível. É um amigo que qualquer pessoa gostaria de ter! Mas não contava ele que um beijo o sacudiria ao extremo.

" Ela está focada no céu, como se contasse quantas estrelas tem ali. Logo muda o foco para as folhas das árvores balançando energicamente. Ela é calma e agitada na mesma figura. Parece mais sofrida do que realmente demonstra. Fico observando seus cabelos balançarem com o vento. Ela não tenta domar, parece apreciar a bagunça do vento no topo da sua cabeça. Seus cabelos louros parecem ter luz própria. Mesmo sendo pintados caem perfeitamente, como se fosse a cor perfeita para ela. "

 Maxie tenta fugir do sentimento que surgiu desde o ocorrido no bar, mas o destino parece pregar peças para se esbarrarem e até o Pedro fica balançado, mas Maxie não quer, e na sua concepção, não pode se envolver, pois fez uma promessa a si mesma, porque não acha justo arrastar mais alguém para seu futuro incerto e cheio de dor e sofrimento.

" - Só estava sem fazer nada - me sinto estranha agora. Porque só neste momento eu vim perceber essa necessidade de estar com ele, mesmo quando eu grito e tentou me convencer que não é o que quero." 


"  Por que algumas pessoas têm essa capacidade tão superior de nós fazer bem? Estou entregue, e o único pensamento que habita minha mente é: Como irei conseguir parar de fazer isso?. " 

" Queria saber o momento exato que virei esse amontoado de contradição. Tão perdida em mim, me encontrando nele, em seu toque, no seu beijo com promessa dê cura. Parece que estou pedindo demais, enquanto na verdade ele está me dando o que eu nem sabia que precisava. " 

A história possui muito romance, amizade verdadeira, superação, família, conflitos e é emocionalmente apaixonante em todas as suas nuances! Quando você pensa que já se recuperou de uma cena, em seguida vem outra pra te mostrar que você vai se emocionar e chorar ainda mais hehehe
 É um livro que você torce junto, se irrita algumas vezes, chora, se emociona, chora, ri, chora de novo, se emociona mais... Mas é muito lindo! Tem um quê de força, vida e muito amor!!!
 Nem preciso dizer que amei, né?!
 Recomendo muito!!!



segunda-feira, 25 de setembro de 2017

[ Resenha ] Trilogia Certezas do amor da Andreia Nascimento




Páginas: 254
Gênero: Romance / NA
Editora: Amazon
Idioma: Português


[ Sinopse ]

 Este livro consiste na junção de dois contos e um livro.
10 Certezas que te amo
Anita sempre sonhou e esperou por esse dia. O grande dia, onde ela finalmente se casaria. Quem não espera por isso? O problema, que surgiu pouco tempo antes do “sim”, é que Anita, da mesma forma que sempre esperou pelo dia, sempre soube que hesitaria. As dúvidas começam a surgir. Será que é isso mesmo que ela quer, ou ela só está casando por comodismo?
 Bem, a resposta está escondida em algum lugar. 
 Em algum lugar bem planejado por seu noivo, Thomas, que, conhecendo muito bem sua futura esposa, já esperava que as dúvidas aparecessem. Sendo assim, Thomas bola uma estratégia que mostrará à Anita que o que eles têm está longe de ser algo simples.
Minha versão para Alice
 Alice é bem resolvida e achou que seria imune aos encantos de Igor por muito tempo. Ela só queria umas noites de diversão, mas seu coração a traiu e tudo isso virou uma bagunça sem tamanho. 
Igor teve seu coração quebrado e não sabe como irá fazer para confiar no amor novamente. Até que seu melhor amigo o convence que a melhor forma é encarar o passado e ver que aquele ódio pode ser reparado e que ele pode, sim, amar novamente.
Nem mais um segundo
"Alguns demoram anos para se apaixonar, para Camila, isso durou apenas cinco minutos."
Camila acredita que coração partido precisa de outro amor para ser curado e não tem medo de arriscar. O objetivo é viver uma vida plena. Após o termino de seu namoro, ela sente-se livre e em paz consigo. Ela tem um futuro pela frente e sabe disso, mas nesta noite tudo o que ela quer é ir para o jantar com seus amigos, a sua família. Mas as coisas não acontecem como Camila imagina, e um encontro de uma simples noite pode mudar o rumo de sua vida.

[ Resenha ]

10 certezas que te amo

 Essa primeira história consiste no romance de Thomas e Anita.
 Às vésperas do casamento, Anita começa a surtar, pois começa a achar que não está preparada para esse passo tão importante, apesar de já estar com Thomas a 10 anos. Anita fica bem insegura a cerca do futuro, apesar de terem um relacionamento bacana fica a repensar se está agindo certo e se é isso que irá querer para o resto de sua vida.

"  Mas ele sempre foi essa pessoa, ele sempre parece sentir tudo em uma escala maior. Tenho medo que ele me ame mais do que eu o amo." 

" Ele sempre foi uma a melhor parte do meu dia, ele sempre foi a pessoa que eu queria correr para contar a mais besta novidade ou melhor conquista, nós nos tornamos um, mesmo quando eu estava sozinha eu me sentia confortável, porque eu sabia que em algum lugar uma pessoa me amava tanto quanto eu amava ele. "


 Thomas, por conhecer tão bem sua querida Ani, planejou uma surpresa fantástica e uma forma de fazê-la enxergar o seu amor por ela e deixá-la tranquila e claro demonstrar o seu a! Escreveu 10 cartas contando sua versão desde que a conheceu até o momento presente.
 Ani foi surpreendida um dia antes do casamento por sua cunhada Camila a adentrar sua casa com uma sacola cheia de coisas direcionadas a ela e as lindas cartas... E por ai começa a história.
 Esse conto é tão arrasador! É tão perfeito que me fez chorar desde o começo. Thomas é muito lindo e confesso que se tornou meu crush literário hehehe Só o divido com minha amiga Orlanna Shelsea do ig @lanna_literaria 


Minha versão para Alice 

 Alice e Igor são amigos, mas possuem uma amizade colorida daquelas de tirar o fôlego, que não rola o lance de romance, sentimento e cobranças, é apenas físico. 
 Os encontros casuais viraram rotina e Alice se viu cada vez mais envolvida em seus sentimentos por ele e até confessou sem querer o que sente, o que fez Igor recuar e ir embora, pois não fazia parte do acordo se apaixonar.  
 Igor faz o tipo do cara " gato-rockeiro-motoqueiro ", empresário e é lindo, mas me deu uma raiva dele! (kkkkkk) Ódio mortal! Tudo bem que ele tinha seus motivos para não querer se envolver mais, pois o seu coração não só foi pisado, como estraçalhado. Mesmo assim ele foi muito babaca com Alice. Pronto, falei! ( kkkkkkk) Senti muita vontade de bater nele! Tadinha da Alice, sofreu demais! 
 Alice é psicóloga
 Sei que cada pessoa tem uma maneira de ver as coisas e de sentir e que por muitas vezes até eu já me fechei para o mundo, mas Igor e Alice sabiam dos riscos e acharam que poderiam fugir deles. 

" - Deixe de ser otário - Thomas continua - você vai perder tudo de bom da sua vida porque a única coisa que você pensa é sobre como alguém lhe machucou. E daí? " 

 Confesso que eu teria sido bem mais dura com ele do que o Thomas. 
 Mas gostei muito da história. Só não me convenci de gostar do Igor! (kkkkkkk) 


 Nem mais um segundo 

  Camila, irmã de Thomas, Professora de Física,  após tanto tempo, vê seu relacionamento com o Vitor acabar e pensava ela que passaria o resto da vida com ele, se enganou. A vida tem dessas. 
 Camila, ou melhor, Mila,  não se deixou abalar, pois já estava empurrando com a barriga faz tempo o seu relacionamento, mas como todo término, nada é fácil. Vestiu o seu melhor vestido, maquiou-se com capricho e foi se divertir com sua verdadeira família e não esperava que tão cedo alguém já abalaria suas estruturas. 
  Gustavo, irmão mais velho de Igor, tão gato quanto, Delegado Federal, passou muitos anos com a cara nos livros para conseguir chegar onde chegou e por esse motivo não era tão "popular" e na rodinha dos amigos de seu irmão, que eram seus também, mas que faz o tipo "gato - galinha - cachorro - papagaio... ", ou seja, pegador nato!
 Camila e Gustavo se conheceram no jantar promovido em sua casa,  para os amigos de seu irmão, e desde então ele não conseguiu arrancar Mila da sua cabeça e a viu como um delicioso desafio que estava prestes a desvendar. 
 Mila possui uma lista de coisas que pretende fazer, se apaixonar à primeira vista, beber tequila as nove da manhã, dentre outras coisas loucas, mas não contava que vários itens de sua lista seriam completados tão rapidamente. Adorei os itens da lista dela! Me deu a idéia de fazer algo parecido... 


" Eu quero viver - digo, como se confessasse algo profundo - Eu quero viver de verdade, quero chorar pelo coração partido, mas também quero me apaixonar de novo. Eu quero me apaixonar todos os dias, por alguma coisa ou por alguém. Eu acho que a vida nos ensina uma lição cada vez que saímos para viver. " 


 Será que " Seu gatão " e " Dona exagerada " vão dar certo?! ( sim, eu dou apelidos a personagens)  Tem tanta treta nessa história... Tantas diferenças... Tantos acontecimentos que colocarão em prova o destino dos dois. 
 Foi uma história bem criativa e entrelaçada em vários pontos com as de Thomas e Anita, Igor e Alice. E achei bem parecido com uma série bem antiga de nome " Barrados no baile" (acabei de denunciar minha idade kkkkk). Amei o desfecho e confesso que não esperava por ele, foi bem melhor do que imaginei!

 Amei a Trilogia Certezas do amor e recomendo muito!!! É um amorzinho! 
 Obrigada Andreia pela oportunidade de conhecer suas obras!


[ Resenha ] A Fada negra de Crys Magalhães




Ano: 2016 
Páginas: 126
Idioma: português 
Editora: Chiado

[ Sinopse ]

 Yago, um garoto de 13 anos tem uma missão arriscada. Os habitantes de Éder, contam
lendas sobre fadas e criaturas mágicas, o que eles ainda não sabem, é que esta “Lenda” é real. Tudo não passaria de “lenda”, se Elvira não fosse má e rebelde a ponto de querer dizimar tudo que é belo. O Reino de Éder está por um fio, e somente o sucessor de Anselmo poderá salvá-lo. O maior desafio do garoto é saber sua origem, e posteriormente, descobrir alguns mistérios sobre os dons dos homens de sua família.

 Esta aventura é o inicio da revelação sobre um mundo inimaginável...

[ Resenha ]


 A História se passa no reino de Éder, em meio a floresta e raras rosas azuis. É habitado por camponeses que levam uma vida simples, mas cheia de alegrias, apesar de algumas dificuldades, como qualquer pessoa ao redor do Castelo do Rei Arthur, que mesmo sendo rei é uma pessoa de uma humildade incrível e isso nota-se ao decorrer do livro.
 Yago e Peter são um dos personagens principais. Não sabiam eles que um dia embarcariam em uma aventura regada a muita magia. Magia essa que nem eles e nem ninguém do vilarejo de Zafir acreditavam existir, achavam ser apenas fantasia da cabeça de uma mente fértil.
 Por muitos anos em um reino paralelo, as fadas mantinham a paz e harmonia do Reino de Éder, mas nem sempre fora assim.
 Lara, Rainha das fadas da luz e a mais bonita dentre elas, aprisionou por anos a Fada negra de nome Elvira que já tentara dominar todas as criaturas do mundo das fadas e também do Reino, porém um dia, Elvira fora libertada e dai se inicia, para os pequenos e bravos Yago e Peter, a missão de derrotar a obscura e malvada Rainha das Fadas negras.
 E Em meio ao caos também existe romance, pois o Rei quer casar a sua filha Rosa, também tem amizade verdadeira e segredos guardados a sete chaves.
 Anselmo, avô de Yago, também é um dos destaques do livro com seu conhecimento do mundo mágico das fadas, lendas e sabedoria.
 A pergunta que não quer calar... O que será que tem no fundo do Rio verde? Só saberemos no próximo livro.
 A história possui aquele ar de jornada do herói! Te prende do começo ao fim. É um livro para o público juvenil, mas qualquer pessoa que o ler vai achar fantástico!
 O que me chamou bastante atenção na história é que a autora não é de descrever fisicamente os personagens, deu preferência á personalidade, o que faz com que cada pessoa use a imaginação de uma forma livre e se encante pelo livro mais ainda. Isso para o leitor, na minha opinião, é maravilhoso, pois dá liberdade de idealizar de forma particular cada um, com excessão de Elvira que estampa a capa do livro que é maravilinda!
 Ah! Não esquecendo do Dymi, que é um duende muito sapeca e divertido que me tirou risadas com sua maneira peculiar de fugir de situações perigosas e se meter em algumas confusões por causa da sua eterna curiosidade. É um amor de duende!
 Pra finalizar, super indico esse livro e estou ansiosa pela continuação: A Fada Negra O segredo do cristal que virá com muitas revelações de acordo com a própria autora.
 Obrigada Crys pela oportunidade de conhecer sua obra! Amei! Muito feliz! Ansiosa para começar a ler a continuação.