quarta-feira, 19 de julho de 2017

[Resenha] Olhos de jade de Andrea Marques




Páginas: 487
Idioma: português 
Editora: Amazon Servicos de Varejo do Brasil Ltda.


Leia a Resenha de Amor de Cordel aqui do blog.Primeiro livro da autora Andrea Marques.

Site da autora:  www.escritorandreamarques.com.br 
Página do Facebook da autora:  https://www.facebook.com.br/Andrea-Marques-188455781514017/
Instagram da autora: 
https://www.instagram.com/escritora_andreamarques/


[Sinopse] :

 Alexandre Bastos tem tudo o que um homem pode querer. Beleza, dinheiro, reconhecimento profissional e uma extensa fila de mulheres aos seus pés.
Tudo é perfeito até o seu aniversário de vinte e sete anos, quando Alexandre recebe um presente inusitado, que o conduz até Carolina Borges, uma terapeuta ocupacional poderosa o bastante para despertar no jovem sensações completamente novas.
A princípio, Alexandre enxerga naquela mulher mais velha e experiente apenas sua beleza, e um desejo louco de inclui-la na sua coleção de conquistas começa a persegui-lo. Contudo o jeito doce e meigo de Carol é capaz de ultrapassar a camada superficial do playboy, até atingir seu coração, e quando menos espera Alexandre se vê totalmente apaixonado.
No entanto, o que poderia ser uma conquista fácil perante a sua experiência se mostra algo totalmente desafiador, tudo por conta das ideias preconcebidas de Carol, porém Alexandre é determinado e não desiste do que quer facilmente e desse modo dá uma guinada na sua vida com o propósito de conquistar o coração da mulher que o fascinou.
Para isso ele fará tudo e enfrentará todos os obstáculos, mesmo que isso signifique sacrificar amizades e romper com pessoas queridas, afinal para ele Carol vale todos os desafios.
Olhos de Jade é a versão masculina do romance Amor de Cordel, entretanto, apesar de contar os mesmos fatos do livro narrado por Carol, elementos novos e surpreendentes são trazidos à tona, mostrando que toda a história contada tem sempre pelo menos dois lados.






[Resenha] : 

 Alexandre Bastos é um arquiteto de 27 anos, loiro de olhos verdes cor de jade e muito gato (fora o fato de se aproveitar disso para levar pra cama a primeira que aparecer), e sim um galinha, mas ele é solteiro e bem sucedido, típico playboy (aparentemente) e vamos combinar: ele pode! Hehehe Mas não pense que é daqueles que iludem, pois ele é sempre direto e nunca se apegou a nenhuma mulher.  Apesar de vir de classe alta, Alexandre é uma pessoa humilde e verdadeira e odeia pessoas esnobes e que querem derrubar as outras. 
 Pois bem... Alexandre vem de uma família rica, dona de um império de cadeias de hotéis. Seu pai a todo momento insistindo para que seguisse essa carreira, mas em meio à viagens pelo mundo, ele se encantou por arquitetura e desde então passou a exercer a função que tanto o fascinou e com o tempo abriu seu próprio escritório, junto com o amigo Pedro. Conheceu o Pedro na faculdade e desde então são amigos confidentes e sócios. 
 Em um dia rotineiro visitando obras, ele caiu e machucou o punho, o que o fez procurar um médico amigo, o Vagner,  que possui uma clínica de fisioterapia e Terapia ocupacional onde começaria o tratamento, mas não contava ele que já no primeiro dia uma bela mulher o deixaria boquiaberto pela sua beleza e delicadeza, mesmo sem antes saber o seu nome, mas eis que para a sua surpresa e alegria a Dra Carolina Borges iria passar a acompanhá-lo no tratamento.Sim, a mesma mulher que o encantou desde o primeiro momento em que pisou na clínica. Alexandre tem convicção de que foi paixão a primeira vista e passou a querer chamar a atenção da Carol de "N" formas desde que passou a ser seu paciente, mas havia o fato de que ela era muito profissional e ética que o fez ficar inseguro, mas nunca desistir. 
 Infelizmente a Carol era muito resistente as suas investidas, o que despertava mais ainda o interesse por aquela mulher sensualmente misteriosa. Alexandre começou a achar estar louco, pois jamais sentira por mulher alguma o que estava sentindo pela Carol, jamais se viu nas malhas de uma paixão e amor avassaladores, o que fez até o seu amigo Pedro estranhar seu amigo tão mulherengo numa situação dessas, mas sempre a provocar o amigo em relação a isso e até a fazer piada. De qualquer forma o Pedro acreditava no sentimento do amigo, pois nunca o vira assim de quatro pneus arreados por uma mulher. 
 Alexandre passou a lutar em conquistar a Carol a todo custo, porque acredita que ela é a mulher da vida dele.
 Com o passar dos dias Confessou seu amor pela Carol e daí passaram a viver uma linda história, apesar dos pesares e insegurança da Carol por ser 11 anos mais velha e de classes sociais distintas, mas como todo bom romance que se preze, cheio de intrigas, tretas, tristezas, aventura e acontecimentos surpreendentes! 
 No decorrer da história, narrada na versão do Alexandre é perceptível as nuances do personagem, seus pensamentos, neuras, insegurança, porque apesar do machismo impregnado da sociedade de que homem também não ama e não sofre, é balela. Assim como a Carol em Amor de Cordel, o Alexandre foi um personagem bem construído do universo masculino e é notável sua personalidade e as mudanças ao se apaixonar, o ciúme por vezes excessivo para com a Carol, a forma de pensar e agir impulsivamente dignas dos homens. Ele simplesmente me surpreendeu com sua determinação em vários momentos! 
 Há outros personagens bem marcantes nessa história...O Ricardo irmão do Alexandre é um deles, mesmo que de forma negativa e que por vários momentos senti vontade de esganar kkkkkk Você que ainda não leu vai entender.
 Amei o livro!!! Recomendo!!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário